• Lara Branco

O que fazer na quarentena?

Eu acredito que nosso tempo é nossa maior riqueza! Nosso recurso mais valioso, escasso e não renovável! Tem sido beeeem difícil gerenciar nosso tempo nesses dias de isolamento social não é mesmo?







Alguns se sentem com tempo demais e se encontram com o tédio.











Outros se afogam nas inúmeras tarefas e video chamadas dignas do Home Office.






E ninguém, absolutamente ninguém tem dado conta dessas inúmeras lives. Uma sugestão que tem nos acompanhado bastante é a de criar uma rotina.


Eu gosto bastante dessa ideia, mas hoje quero compartilhar algumas perspectivas sobre o tempo que podem ser úteis para você se entender melhor com essa riqueza.

O mais importante agora é que você não seja rígido com você. Estamos vivendo o inimaginável e isso não é um concurso de produtividade e não tá valendo nota no final.

Se eu puder sugerir algo para ser fixo é que você consiga, uma vez por dia, todos os dias fazer algo POR VOCÊ!


Um dia pode ser um treino, uma dança, outro uma meditação, no outro ouvir sua música favorita sem interrupções, uma taça de vinho, no outro pedir sua comida favorita, fazer um auto massagem nos seus pés, jogar um jogo... enfim!


Marque esse compromisso com você e não falhe!


Uma coisa importante sobre compromissos é que você não deve priorizar o que está na sua agenda e sim agendar suas prioridades.




Nesse momento, agende você, como prioridade.


E só depois agende a live, a videochamada, se proponha começar e terminar uma tarefa deixando todas as notificações (principalmente e-mail, wnatsapp e redes sociais) desligadas.





Há quem diga que as primeiras ações do seu dia dão o tom do como serão suas próximas horas! Se você começar pelo mais difícil, a sensação boa de realização vai te acompanhar até o final do dia.


Outra coisa que vale a pena agendar: seu tempo de descanso, não só de trabalho, mas principalmente desse assunto e todas as notícias relacionadas.

Se desafie a ficar horas sem consumir notícias. A deixar seu celular em um cômodo diferente do que você está. Você sabe dizer qual é o máximo de tempo que consegue ficar desconectado?

Na hora de fazer suas refeições, tente ficar pelo menos 60 minutos sem potenciais interrupções. Inevitavelmente os horários que eram convenções (como hora do almoço) foram alterados, logo se você não separar esse tempo pra você, possivelmente vai ter uma digestão difícil porque alguém que já almoçou precisa do seu retorno urgente.

Todo cuidado do mundo com a quantidade de reuniões remotas que você agendar por dia. Apesar de não termos mais o tempo de deslocamento de uma reunião, é preciso ter espaços para respiros entre uma ligação e outra.


O que me ajuda muito, é pensar que preciso de um tempo para AGIR ou FAZER ALGO, entre uma video conferência e outra e isso faz com que, eu determine alguns limites e organize melhor minha agenda.


Um dos conceitos mais apaixonantes desse tema pra mim é o que vem da mitologia grega e afirma que existem dois deuses do tempo:

CHRONOS é o senhor do tempo que faz referência à tudo que é cronológico e pode ser medido: horas, minutos, dias, meses, semanas ou anos. Ele tem uma força implacável, que não pode der detida e nos apresenta o conceito de finitude.

KAIRÓS representa o tempo intangível, o tempo breve, não previsto, incronometrável, o qual não temos controle, o tempo muitas vezes chamado de hora H, dia D, momento certo, ideal, ou o momento oportuno.


Nos resta em um momento como este, entender cronologicamente o que pode ser um dia adequado aos meus cuidados, meus compromissos e minhas necessidades.

Não se sobrecarregue: os desafios de tempos incertos já são pesados o bastante.


Varie suas atividades! Nosso cérebro responde muito bem se variamos o estimulo. Uma video chamada, depois um estudo mais matemático, depois uma apresentação, depois alguma leitura, uma live e depois a resposta de alguns e-mails e por aí vai…


Fato curioso: Você sabia que existe um estudo que diz que um juiz é capaz de dar uma pena mais dura se a sentença tiver que ser dada próxima a hora do almoço? Veja como até nossa RAZÃO pode ser afetada por uma necessidade não atendida.


Saiba a hora de PARAR! Não subestime seu cansaço porque você não sai de casa, é tão importante ter hora para começar quanto para parar.

E não tente controlar o deus Kairós. O que tiver que ser, será, e como podemos ver não HÁ NADA que possamos fazer para mudar o contexto que estamos vivendo.

Sendo assim - minha melhor aposta é cuidar de mim e do meu recurso mais valioso, escasso e não renovável: o meu tempo!

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo